Curiosidades e Lendas O que ver em Roma?

A misteriosa Ilha Tiberina

Uma ilha no meio de Roma? Isso mesmo. Localizada no meio do rio Tibre, a charmosa Ilha Tiberina (Isola Tiberina) é uma das menores ilhas habitadas do mundo e suas histórias estão diretamente ligadas às origens de Roma.
Veja a seguir tudo sobre esse misterioso lugar. Confira!

A Ilha Tiberina e suas origens

Ninguém sabe ao certo a origem da ilha, mas ela carrega muitas histórias que a deixa com um ar muito misterioso.

Uma lenda diz que ela surgiu sobre um barco afundado e por isso tem essa forma.

Outra lenda diz que depois da queda do último rei de Roma, Tarquínio, o Soberbo, os moradores jogaram seu corpo no rio Tibre. Com o passar do tempo foram acumulando detritos e galhos que então deu origem a essa ilha.

Outra versão, é que os moradores jogaram grãos das safras que pertenciam ao rei até formar a ilha.


Clique aqui para ver sugestões de onde ficar em Trastevere ou aqui para alugar um apartamento direto comigo 🙂

Talvez, a lenda mais conhecida seja ligada ao culto ao deus grego da medicina e da cura Esculápio. Essa lenda explica a conexão da ilha com a atividade de assistência aos doentes e também a sua forma de barco. Em 291 a.C. Roma foi atingida por uma praga, então o sacerdote enviou uma expedição a Epidauro, lugar de culto a Esculápio. A expedição voltou com uma cobra que era o animal sagrado para o deus. Quando chegaram à ilha, a cobra saltou e onde a cobra se refugiou construíram um templo dedicado a Esculápio. A ilha foi ocupada como um navio, como por exemplo, a localização da popa e da proa assim como a construção de um obelisco no meio reprensentando um mastro.

O que ver na ilha?

A ilha é super pequena (300 metros de comprimento com menos de 90 metros de largura), mesmo assim guarda muitos encantos. A ilha abriga pontes milenares, um hospital com 400 anos ainda em funcionamento e um festival de cinema durante o verão.

Ponte Fabrício

A Ponte Fabrício é a ponte mais antiga de Roma, construída em  62 a.C.
Na verdade, existem outras duas pontes consideradas mais antigas do que esta em Roma. Mas elas foram construídas em madeira e foram completamente reconstruídas, enquanto a Ponte Fabricio preserva a sua estrutura original.

Ponte Cestio

A Ponte Cestio liga a ilha ao outro lado do rio Tibre, o lado do Bairro de Trastevere.
Essa ponte foi construída em 46 a.C. por Lucio Cestio e restaurada em 152 d.C. Em 370 d.C. foi reconstruída com materiais tirados do Teatro Marcelo.

Agora imagine bem – essas pontes tem mais de dois mil anos e foram construídas em 62 a. C. e 46 a.C.

A Igreja de San Giovanni Calibita

San Giovanni Calibita

Uma curiosidade sobre a Igreja de San Giovanni Calibita é que nela abriga a imagem de Madonna della Lampada do séc. XIII. Ela ficava próxima a uma lamparina na margem do rio Tibre. Em 1557 houve uma enchente mas a luz da lamparina não se apagou mesmo estando por debaixo da água.

A Basílica de San Bartolomeo

Basilica San Bartolomeo
A Basílica de San Bartolomeo foi edificada em um local de peregrinação em que antigamente havia um templo dedicado a Esculápio, o deus grego da Medicina. Pessoas que tinham doenças contagiosas eram levadas até ilha Tiberina para cura e tratamento, ou até mesmo esperar pela morte.
A Basílica na ilha Tiberina foi fundada no final do século X por Otto III, imperador do Sacro Império Romano-Germânico, para acolher os restos de dois mártires – São Adalberto, bispo de Praga e São Bartolomeu, apóstolo.

Hospital Fatebenefratelli

Com o passar do tempo, a ilha Tiberina não deixou de ser um lugar dedicado à cura. O hospital foi construído em 1584 e funciona até hoje.

Comer

Na ilha também tem restaurante, bar e sorveteria. Pode ser uma opção de lugar diferente para comer!

Festival de cinema

Isola del Cinema – Festival de cinema em Roma

Desde 1995 a ilha recebe o festival de cinema Isola del Cinema com sessões de filmes a céu aberto durante o verão (de junho à setembro).  O festival foca no cinema italiano e particularmente nas novas produções. O festival tem também uma parte dedicada à produção internacional, não só de cinema mas também de literatura e poesia e promove encontros com personalidades do mundo todo.

Onde fica?

Perto para ver

Perto para comer

E então, gostou de conhecer um pouco sobre a ilha Tiberina? Deixe seu comentário!

Um abraço.

Bom passeio!

Lembre-se que nós organizamos transfers do/para o aeroporto, hospedagem e roteiros personalizados! Me escreva em info@emroma.com

Ingrid
Ingrid vive na Itália desde 2004 e em Roma desde 2006. O blog nasceu da vontade de compartilhar um pouco do amor pela cidade e a experiência com seus amigos.

Deixe um comentário