O que ver em Roma?

MaXXI – Museu Nacional de Arte do século 21

O MAXXI – Museu Nacional de Arte do Século 21  (Museo Nazionale delle Arti del XXI Secolo) é um museu que vale a pena a ser visitado se você for amante da arte e arquitetura contemporânea.

MaXXI - Museu Nacional de Arte do século 21 - EmRoma.com

nem parece Roma!

Em Roma, em meio de tantos museus arqueológicos e que conservam e contam a história de séculos atrás, é interessante ver o contraste do Maxxi com um ponto de vista voltado para o presente e o futuro. Ele é a primeira instituição italiana voltada para a produção cultural contemporânea com foco na arte e na arquitetura. É bem curioso que a Itália, um país tão rico nesse ramo, não ter tido nenhuma instituição dedicada à mesma até o final dos anos 90.

Maxxi – Mais do que um museu

MaXXI - Museu Nacional de Arte do século 21 - EmRoma.com

contraste das arquiteturas do museu e do edifício lá atrás!

O objetivo do Maxxi é ser um campus cultural além do museu.

Um museu representa a importância da expressão criativa de um lugar, especialmente um lugar como a Itália onde a arte e a arquitetura têm sido a sua característica principal conhecida mundialmente durante séculos. Pensando nisso,  ele pretende promover o senso de continuidade dessa história que não para de ser construída.

MaXXI - Museu Nacional de Arte do século 21 - EmRoma.com

exposição temporária

O Maxxi também propõe uma programação multidisciplinar que envolve a arte em vários tipos de expressão como o teatro, a dança, a música, a moda, gráfica, cinema, etc…  ganhando assim uma característica ainda mais dinâmica.

Ele também oferece atividades como exposições, workshops, conferências, shows, projeções e projetos educacionais – o que é ótimo principalmente para quem está por mais tempo em Roma e quer estar sempre atualizado. Além disso, tem projetos especiais para crianças, adultos, escolas e pessoas com deficiência visual.

No Maxxi tem também uma biblioteca de arte e aquitetura (claro!) que tem acesso livre para o público.

lembra vaaagamente o pavilhão da Bienal em São Paulo, não?

coleção permanente

coleção permanente

exposição temporária

Esse museu não é muito conhecido entre os turistas. Duvido que seja muito conhecido até pelos romanos, e dá para supor o porquê: não fica no centro, não tem séculos e séculos de história, não tem uma lenda especial e misteriosa, não é monumental e não é de comer. Acho que isso é uma das razões que torna o Maxxi mais interessante. Apesar de ser um museu de arte contemporânea ‘normal’, não é muito comum ver por aqui principalmente pela arquitetura.

Para que gosta de arte e arquitetura é um prato cheio para ver obras de artes mais atuais tanto italianas como internacionais de artistas renomados!

Horário

Terça à sexta das 11h às 19h; sábado das 11h às 22h e domingo das 11h às 19h (a bilheteria fecha uma hora antes)
Fechado: Segundas-feiras, 1 de maio e 25 de dezembro

Quanto?

Normal: € 12,00
Reduzido: € 8 (pessoas até 30 anos, grupos a partir de 15 pessoas, para quem tiver o ingresso do Museu hebraico de Roma, e para quem tiver o ingresso da Galleria Nazionale)

Gratuito: menores de 14 anos, dia do aniversário mediante documento

Gratuito para todos: coleção permanente (galeria 4) de terça à sexta e todo primeiro domingo do mês

Onde?

Fonte: Fondazione Maxxi

Você já conhecia esse museu? O que achou? Conte-me nos comentários!

Lembre-se que nós organizamos transfers do/para o aeroporto, hospedagem e roteiros personalizados! Me escreva em info@emroma.com

Depois de estudar no norte da Itália, está passando um tempo pela capital. Aprende todos os dias que o que tinha aprendido sobre a Itália não era o que pensava ser. Gosta de andar sem rumo, andar com rumo, assistir a vida mundana, arte, sorvete, café e chá.

Deixe um comentário