Minha Visita ao Famoso Mercado de Porta Portese

Resolvi visitar o tal Mercado de Porta Portese. É um mercado de pulgas muito conhecido, e cheio de produtos dos mais diferentes tipos.

Primeira Impressão

Cheguei mais ou menos na hora do almoço, e não estava muito lotado. Não sei se foi o tempo nublado que espantou o pessoal (até garoou um pouco), mas foi bem sossegado caminhar por todas as ruas.

O mercado se assemelha a uma feira paulistana: um monte de barracas espalhadas ao longo de uma rua. Só que no caso, muito maior e por mais de uma rua!

Produtos

Em uma feira comum em São Paulo, você normalmente encontra vegetais, frutas, flores, pastel, caldo de cana, tapioca, e às vezes utensílios de cozinha, etc. No Mercado de Porta Portese há roupas (é o que mais vi por lá), antiguidades, bolsas, sapatos, brinquedos, CDs, livros, itens de papelaria, panelas, artigos para celular, e muito mais.

 

 

Dica

Como gosto de caminhar, percorri todo o mercado, e até notei as alterações de preços ao longo do trajeto. Só é preciso ficar ligado, pois em uma das barracas o pessoal estava vendendo umas pashminas como italianas, mas ao olhar na etiqueta, eram fabricadas adivinhem onde? Exato, na China.

Fora isso é só pesquisar preço, negociar, andar, explorar. E os vendedores são de diversas nacionalidades, então pode ser que haja algumas dificuldades caso você não parle italiano (na maioria das barracas em que parei para olhar, o pessoal falava em italiano e em inglês, mas alguns não falam inglês, então vai na raça mesmo).

Conclusão

Confesso que meu lado consumista não despertou, mas para quem gosta desse tipo de “feirinha” é um prato cheio. Mesmo que você não tenha a intenção de comprar, é um local interessante de se visitar.

Para saber mais sobre o Mercado de Porta Portese clique aqui.

Lembre-se que nós organizamos transfers do/para o aeroporto, hospedagem e roteiros personalizados! Me escreva em info@emroma.com

Suelen
Suelen é uma paulistana em busca de novas experiências, aprendizado e autoconhecimento. Boa de garfo e amante dos livros, em seus diálogos sempre surge alguma frase de filmes ou séries que (quase) ninguém entende.
Vindo para Roma?

Antes de mais nada,  quais são as coisas primordiais antes de sair de viagem? Contratar um seguro obrigatório para entrar nos países da Europa. O seguro obrigatório, não só cobre suas despesas médicas cobrindo qualquer imprevisto como também assegura a sua bagagem, cobre urgências odontológicas e reembolsa por atraso e cancelamento de vôo. Quer ter 5% de desconto no seu seguro obrigatório? Use o cupom EMROMA5

O segundo passo é reservar o teu hotel. Aqui você encontra diversas opções de hotéis em Roma e aqui no blog tem alguns apartamentos que eu recebo hóspedes! A maioria deles é muito central, Veja descrições e fotos aqui!

 

Deixe um comentário